Primeira semana em Quebec city

Primeira semana em Quebec city

Depois de alguns dias, estou de volta.

Gostaria de poder escrever a cada semana, mas acho que não será possível. Estou adorando a cidade, as pessoas que conheci por aqui, a universidade que estou trabalhando. Tudo está ótimo por aqui. Os primeiros dias foram bem corridos, tentando resolver as primeiras coisas por aqui, burocracias, em geral.

Université Laval

Conheci a Universidade Laval já no dia 04 de setembro. E nesse dia já tive uma reunião com os meus orientadores daqui, o Leandro e o Jacques. Eles são pessoas incríveis e que estão super empolgados com trabalho e já começamos o desenvolvimento do projeto aqui. A primeira semana já tive muitas coisas para fazer, o que é ótimo. Já tenho um lugar no laboratório para trabalhar com um máquina muito boa, que será muito útil nos testes que faremos. Conheci muitos lugares nos primeiros dias, um deles, o mercado que tem aqui perto da minha casa, o Marché Richelieu Sillery. Como não falo nada de francês, ainda tenho um pouco de dificuldade para comprar as coisas por aqui.

No meu primeiro final de semana em Quebec, fui visitar a Old Quebec. A parte mais antiga da cidade e é incrível :) Conheci duas brasileiras, a Tayene e a Danielle e duas amigas dela, a Freja e a Lara, dinamarquesa e quebequense, respectivamente.

Old Quebec Fomos ao Pub Saint-Patrick e experimentamos uma cerveja escura feita aqui. O lugar é ótimo e a comida muito boa.

 Depois de uma tarde de passeio na cidade velha, fui encontrar um amigo eslovaco, o Matej, de uma banda que ia tocar em um festival aqui em Quebec, o Envol Et Macadam. Consegui um crachá VIP com eles e subi no palco com eles. Foi uma experiência incrível :) Eles tocaram em dois lugares nesse mesmo festival, um às 20:00 e outro às 00:00. Entre os shows, fomos em um Pub chamado Le Bareau de Poste, na rua Dorchester na Lower Quebec. No pub, eu provei pela primeira vez o Poutine, uma comida que se originou em Quebec, e que hoje é um prato muito comum em todo o Canadá. É um prato feito por batata frita e queijo coberto por um molho. Parece algo simples, mas acredite, é muito bom! E apimentado também.

From Our Hands

Voltei no domingo para casa, e antes disso, resolvi experimentar o café do famoso Tim Hortons daqui. É a maior rede aqui do Canadá, e até o final de 2013 possuía mais de 4500 estabelecimentos espalhados em todo o Canadá. Pra dizer a verdade, o café não é tão bom, mas o lugar é bem aconchegante e bem típico aqui no Canadá. Na segunda, estive pela primeira vez em um Starbucks aqui em Quebec. Fui na chamada “Pirâmide” . O lugar é bem legal com um vista linda da cidade.Starbucks

A faculdade que estou trabalhando é a Faculté des sciences de l’administration (FSA) da Université Laval. Trabalho no Centre interuniversitaire de recherche sur les reseaux d’entreprise, la logistique et le transport (CIRRELT), que é um centro que trabalha com problemas de logística e transporte.

FSA

CIRRELT

IMG_1283

Na última quinta-feira, tive uma outra reunião sobre o projeto e discutimos por mais de 1h30 sobre o problema. Tivemos algumas correções nas formulações do problema e mais trabalho pela frente. Depois da reunião, haveria um jantar com os brasileiros, onde faríamos uma feijoada. Entretanto, como todo brasileiro, também somos muito enrolados. Na última hora trocamos por Strogonoff, pois seria mais fácil de fazer. Conheci o Diego e o Alexandre. Fizemos as compras no Metro com a Tayene e fomos ao tão falado e famoso Parent (Pavillon Alphonse-Marie-Parent), uma das residências aqui da Laval. O jantar ficou ótimo. Eu e a Tay fizemos e deu tudo certo. Lá conheci o resto dos brasileiros: Saulo, Victor, Pedro, Matheus, Guilherme, Suliane e Luiz. A Dani também foi e foram mais alguns agregados.

Strogonoff

Os brasileiros de Quebec mais os agregadosSexta-feira a noite, alugamos um carro para ir ao Stoneham tentar ver a Aurora Boreal, que estava acontecendo e possivelmente poderia ser visto aqui de Quebec. Depois de uma tentativa, fomos até a Ilha de Orleans, pois um brasileiro tinha conseguido ver de lá por uns 10min. Mas não tivemos sorte, e não pudemos ver, infelizmente. =/ Mas fica uma foto linda que tiraram daqui de Quebec e postaram no facebook, por Franki Pre.

Foto por Franki Pre.

Foto por Franki Pre.

Depois voltamos para o Parent e ficamos lá conversando. Como já tínhamos alugado o carro, decidimos fazer algo no sábado para aproveitar que já estava pago e só iríamos devolver no sábado a noite. Sábado fomos ao Parque Jacques-Cartier que fica em uma cidade próxima aqui chamada Ville de Gatineau. O parque é enorme, e a idéia era fazer um picnic lá, porém, estava chovendo. Acabamos comendo em um lugar fechado com uma vista incrível. Depois saímos para fazer uma trilha. Foi incrível, apesar do frio e da chuva. Uma paisagem bem típica do Canadá. :)


Depois voltamos para o Parent e ficamos lá até as 5am conversando, comendo a comida do picnic e bebendo. Está sendo incrível cada experiência que estou tendo aqui. Apesar de ter que resumir tudo aqui, sinto como se tivesse feita tanta coisa em apenas uma semana e meia. Hoje, dmingo, foi um dia mais tranquilo. A noite, o meu roommate/housemate fez o jantar e comemos todos juntos lá na sala! Foi a primeira vez que o pessoal aqui de casa se reuniu, e foi bem legal. :)

French DinnerMais uma semana está se iniciando, e tenho muito trabalho por aqui. Espero voltar a escrever em breve para não acumular tantas coisas. Até mais! 😉

Don't be shellfish...Share on Google+Tweet about this on TwitterShare on Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *